Um bode de smoking

Goat

“You can put a tuxedo on a goat, but it still a goat”

Faz algum tempo que ouvi esta frase em um sitcom e me lembro de ter achado muito engraçado…e um pouco triste também, na verdade… É que na mesma hora me lembrei de algumas amigas solteiras  que, quando arrumam namorado novo, ficam tão desesperadas para que sejam “the one” que transformam o relacionamento em projeto. Vestem seus companheiros com roupas novas, relógios, perfumes… Como se fosse um boneco Ken. Fazem de tudo, menos enxergar que seu príncipe encantado, seu brinquedinho novo é na verdade um bode bem vestido e cheiroso.

Mas o que fazem bodes perfumados e desastres amorosos em um blog de cozinha?

Se tiverem paciência para continuar lendo juro que eu chego lá…

É que no universo da gastronomia, atualmente mais do que nunca, existem bodes trajados de smoking para todo lado. E o pior é que tem muita gente se deixando levar pelo engodo e ainda paga bem caro por isso… e com um sorriso no rosto.

A essa altura vocês já manjaram que nosso smoking é gourmet, né? Bastou ter “GOURMET” de sobrenome que o bode se transforma em Ken na horinha! Fala sério…

Eu já fiquei com minha anteninha em alerta quando começaram as “brigaderias”, por que, vamos lá, não adianta se o chocolate é suíço, se você banha em ouro, usa pó de castanhas raras do Himalaia, no fim das contas tudo vai para a panela com leite condensado, faz uma bolinha e pronto! Ah… mas não é só bolinha não… você encontra docinhos na latinha, marmitinha, colherinha, tubo de pasta de dente, tubo de ensaio, enrolado com seda, bandanas coloridas, lenços Hèrmes… Mas ainda assim é brigadeiro minha gente! B.R.I.G.A.D.E.I.R.O!!! Sacaram??? E vocês estão pagando até $ 45,00 (isso mesmo! QUARENTA E CINCO REAIS) em uma bolinha de leite condensado misturada com alguma coisa que levou vinte minutos para ficar pronta!

Espertinhos tem de sobra por aqui, e com o nosso “jeitinho” tupiniquim vamos tirando vantagem  uns dos outros de acordo com a onda do momento… e a onda agora é gourmet! Quer ganhar dinheiro? Venda qualquer coisa, qualquer coisa mesmo, com a etiqueta gourmet, vai ter um monte de bocó que compra.

Não, sério… Peço desculpa pelo tom, mas tem coisa que fica difícil de engolir… Fico lembrando das minhas primeiras aulas  de confeitaria e em como eu vibrei a primeira vez que acertei fazer uma pate aux choux (massa de bomba) e montei meu primeiro bolo St. Honorè. E isso nem era chamado de gourmet, são clássicos básicos da confeitaria. Lembro de toda a ciência envolvida nos bolos confeitados que minha avó fazia, e também não era gourmet não gente! Eram lindos, uma delícia, vinha gente de longe para comprar, mas eram apenas bolos. A minha amiga Mirna fazendo os doces libaneses com tanto cuidado e precisão. Minha mãe marinado frutas e castanhas em conhaque por dias para fazer seu famoso bolo de chocolate. É tanta ciência, cultura, tradição, precisão envolvida na história da doçaria do mundo para que eu eleve a categoria de gourmet um doce que leva meia hora para ficar pronto e tem no máximo três ingredientes.

Para não falar de caipirinha gourmet, imagino a dificuldade envolvida em amassar uma fruta com algum destilado, açúcar e gelo. NOOOOSSA! Merece meus aplausos!!!

E coisa vai gente… e vai… a falta de bom senso é uma via de mão dupla, tem malandro vendendo porque tem idiota comprando…

Aí outro dia vi o absurdo do absurdo em usa sala vip de cinema: PIPOCA GOURMET! Substitui a manteiga por azeite de oliva e voilà: R$ 30,00 o saquinho pequeno! Ah… mas não é só azeite de oliva não… tem alecrim, açafrão, chille… tudo para justificar o triplo do preço… E o besta paga!!!

Não me entendam mal… Por favor… Eu adooooro brigadeiro, mesmo! Sou dessas que raspo até o alumínio da panela! E  adoro inventar novos sabores, meus preferidos, aliás, são o de capuccino e o de ovomaltine. E também adoro caipirinha… e todas as suas variações! Ainda mais nesse calor dos infernos. Vocês já tomaram a caipirinha da DEVASSA que vem com um picolé dentro??? Delícia! Adoro pipoca, sacolé, quindim… Eu só acho que estudei tanto, aprendi tanto, pratiquei tanto para elevar ao status de super star um sacolé… S.A.C.O.LÉ!!!

Me perdoem os adeptos da “gourmetização”, mas chamar um brigadeiro, sacolé, pipoca ou uma caipirinha  de gourmet é a mesminha coisa que colocar um smoking em um bode!!!

Ufa! Falei!!!

P.S.: Se você quiser me chamar para compartilhar uma refeição pode ser um “churrasquinho na laje” não precisa ser na sua “varanda gourmet”! Se a comida for boa e a companhia agradável eu estou dentro…

Viu Renata???

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s